Publicado por: mirnacavalcanti | 4 de novembro de 2012

“Being old does not mean being irresponsible”


 

Antescriptum

This Jane Austen line, in “Pride and Prejudice”, could well be written by me, once I think and feel this way:

 “There is a stubbornness about me that never  can bear to be frightened at the will of others. My courage always rises at every attempt to intimidate me.” 

Dear friends: this  microstory I wrote below  is a real fact: it  happened. The ‘lady’ who signed the false ‘document’ is someone I used to respect because I thought she had a straight character.

Dignity is more precious then a supposed ‘prestige’.

                                                                                   

“Being old does not mean being irresponsible”

She’s over 70 and signed a statement with a false content. Despite of her age, she can respond for it criminally once she seems to enjoy full mental health.

 

Mirna Cavalcanti de Albuquerque                                                                                                                         Rio de Janeiro, November 3rd, 2012

Anúncios

Responses

  1. As mulheres como você, donas de experiência e cultura, sabem aceitar os danos materiais e aguentar os golpes do destino.

    • Querido amigo MAMEDES,
      como sempre és bondoso ao teceres comentários sobre minha pessoa. Esclareço que não estou sendo ‘falsa modesta’, mas SINCERA.

      A “experiência” que dizes tenho, ainda é pouca, pois sigo acreditando nas palavras de pessoas que reiteradamente tem como objetivo de vida tentar imiscuir-se nas vidas dos demais, para fazer-lhes mal. Imagino sempre que podem mudar, aprimorar-se como seres.ENGANO- o tempo só faz piorar suas ‘qualidades negativas’…

      Quanto à ‘cultura’, fundamentada também na VERDADE, não me posso considerar ”culta’ pois não o sou.
      Mamedes, amigos de longos anos:
      Em toda a minha vida, se conheci 5 (CINCO) pessoas cultas, conheci muitas. Infelizmente, estas já se encontram em outra dimensão.

      Outrossim, não aceito calada os ‘danos materiais’ quando originados por CULPA e DOLO. Maldade alguma se cria à minha volta.

      Referentemente aos ‘golpes do DESTINO’ (DEUS), esses aceito, pois TODOS eles têm-me feito crescer verticalmente como ser humano.

      De qualquer forma, agradeço-te a gentileza do carinho.

      Que DEUS te guarde e ilumine sempre, querido amigo de coração!

      Abçs.,
      Mirna.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: