Publicado por: mirnacavalcanti | 10 de julho de 2012

Mãos de luz


 


                                               

“A força que uma alma antiga e uma mente determinada, em sinergia, podem gerar é ainda desconhecida”.

 

 

A noite envolveu a Terra.

O jasmineiro exalava seu

doce, inebriante cheiro…

 

Fechou os olhos devagar,

inspirou profundamente a

suave brisa que vinha do mar.

 

Lentamente os braços ergueu

Mãos espalmadas, entreabertos

dedos… sinergia mente e alma:

luzeiros! Acendem uma a uma

as estrelas todas do Sul, o Cruzeiro.

 

 

Reluz das trevas, o céu inteiro…







Mirna Cavalcanti de Albuquerque Pinto da Cunha                                              

Rio de Janeiro, 09 de Julho de 2012 



Responses

  1. Parabéns Mirna, és poetisa também? Eu espero que todos os seus sonhos sejam correspondidos.Bjs.

    • Querida MARIA,

      Dizem que “de médico, poeta e louco todos temos um pouco…” e penso que, até certo ponto é verdade.

      Se escrevemos com a alma, é poesia… depois vai-se aprimorando, buscando, encontrando, SE encontrando – ligando-se ao universo interior e tentando alcançar o exterior… falando-se de sentimentos alegres e tristes, de dor e amor…

      Todos somos poetas – uns maiores, outros menores… mas falamos de nós, de nossas reações aos estímulos positivos e negativos das pessoas que compõem a sociedade humana…

      Tenho certeza de que, se quiseres, mostrarás teus ‘dons’ poéticos também, minha amiga.

      Quanto aos meus ‘sonhos’ – eu os tenho – mas não são assim ‘particulares’ – envolvem meus semelhantes, o futuro , um mundo melhor.

      Agradeço-te o que me desejas e, com toda minha alma, desejo-te o mesmo, minha amiga.

      Um grande abraço,

      Mirna.

  2. Caríssima, sua poesia, além de demonstrar toda a beleza de sua alma também traduz a verdadeira realidade. Tenho a felicidade de morar junto ao mar, mais precisamente em uma ilha pequenina, no Estado de S.P. e, por isso mesmo, tenho também o prazer de saborear todo o encanto que voce transmite em sua poesia. Parabéns e fique com Deus. Abraços. Waldir.

    • Bom dia, WALDIR!

      faz-me feliz saber que te identificaste om o que tentei descrever. A beleza é tão grande que eu, por mais que busque palavras – em uma tão rica língua como a nossa – não as encontro.

      Morar em uma ilha deve ser muito lindo. Desejo-te sejas sempre muito feliz em lugar assim tão especial.

      Iluminado dia para ti!

      Abraços,

      Mirna


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: