Publicado por: mirnacavalcanti | 29 de março de 2012

O que me leva a escrever



                                                      “Mergulho profundo no Ser. Busco a essência  que me faz humana”

 

 

 
Somos – entre outros, o que e como agimos. No entanto, o que se escreve, muitas vezes, não reflete a realidade. Isto não significa sempre falta de caráter íntegro de seus fautores. Revela a pretensão de criar um mundo ideal, um mundo de sonhos – a própria semente de uma futura e desejada realidade. 

Provavelmente – quero crer – chegará o dia no qual a humanidade atingirá a evolução para tal. Essa semente, adormecida no coração da Terra há milênios, germinará com força e transformará o Orbe no paraíso almejado. É este o objetivo dos escritores em geral e principalmente dos poetas.

Quanto à mim, amo a Natureza: os céus, as águas, a terra e tudo o que ela dadivosamente nos proporciona.

Gosto de pessoas cuja bondade é refletida em suas palavras e atos e buscam a verdade sendo sinceras. Assim, educação é mesmo mais importante do que instrução; aquela aprende-se em casa e deveria seguir na escola, vindo a ser, inclusive, por ela complementada.

No que tange à sensibilidade, pode ser considerada superior à capacidade  e mesmo, à inteligência. Aquela, leva-nos a harmonizar a alma com o que e quem há à nossa volta .  É de lamentar-se, no entanto, que sua carência se revela assustadoramente nos agires da maioria das sociedades dos que se consideram humanos... Por outro lado, unidas: sensibilidade, capacidade, educação, inteligência, aliadando-se-as ainda – e principalmente – ao caráter íntegro, chegar-se á à criatura ideal, quase perfeita. 

Escrever é uma das formas de conectar-me com pessoas a mim assemelhadas: caráter reto, inteligentes e, acima e além, guiadas por suas almas. Essas fazem-nos agir com sentimentos que as tipificam realmente como ’humanas’…      

Uso as palavras para ’construir pontes’. Pretendo expor meus sentires e idéias sobre assuntos diversos que não só a mim a mim interessam, como a todos os que vivem atentos: política, direito,  filosofia, artes em geral (principalmente música, literatura, escultura, pintura, teatro, bale) justiça, educação, cidadania … enfim, tudo o que nos rodeia- as humanas humanidades – e faz parte de nossas vidas, não necessariamente na ordem indicada.

Em contraponto harmonioso, objetivo também conhecer pessoas através da forma como se expressam e agem, saber quem são como criaturas… Aliás,  bons amigos muito podem  alargar-nos o horizonte.

Finalizo discordando de John Done: “No man is na island”(*). Certa estou de que somos ilhas, sim.  Proponho-lhes, portanto: sejamos também bons engenheiros e construamos pontes para unirmos nossas ilhas… formemos diversos arquipélagos… Que sejam muitíssimos! Construamos tantas pontes quantas forem necessárias. Transformemos este nosso pequeno planeta em um só e exótico arquipélago, unido pelos ideais maiores da humanidade: amizade, respeito, solidariedade, entendimento, fraternidade e amor.

(*) Oportunamente pretendo escrever artigo a respeito, pois sua idéia deve ser considerada no contexto do que escrevera, e não isoladamente como de costume.

 

Muita saúde, luz e paz!

Fraternal abraço para cada um de vocês, amigos leitores!

 

Mirna Cavalcanti de Albuquerque                                                                                                                                                                              Rio de Janeiro, 28 de Março de 2012

Anúncios

Responses

  1. Sim, Mirna, construímos pontes com palavras, quebrando o silêncio de nossas ilhas…E somos privilegiados de termos tempo para nos dedicarmos a isso. Um abraço.

  2. grazie


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: