Publicado por: mirnacavalcanti | 11 de novembro de 2011

“Minha casa, minha cova”


 

 

 

                                                                                                                      

Rir ou chorar?...  Alegria ou Tristeza?... Cômico ou Trágico?... A piada é  criativa, fundamentada na realidade brasileira no que tange à SAÚDE. Esta, todavia... fragmenta-se cada vez mais... Muitos morreram e estão aumentado os óbitos inaceitáveis com o passar dos dias.

Rir ou chorar?... Alegria ou Tristeza?... Cômico ou Trágico?... A piada é criativa, fundamentada na realidade brasileira no que tange à SAÚDE. Esta, todavia... fragmenta-se cada vez mais... Muitos morreram e estão aumentado os óbitos inaceitáveis com o passar dos dias.

I- INTRODUÇÃO

Amigos leitores,

Desde que comecei a escrever para a internet, é marcante meu primacial objetivo: a defesa dos que têm voz, mas não são ouvidos. Redijo textos fundamentada em notícias e na realidade que conheço, pois a vivo. Por vezes, copio de fontes, as quais procuro sempre saber serem fidedignas. No caso deste artigo – uma ‘piada’ que abaixo transcrevo, recebi-a  por  e-mail de uma amiga e, por ser- pelo menos até agora- triste realidade, divido-a com vocês.

Transcrevo, por procedente- no caso, Neruda: “É triste, mesmo muito triste a parte cômica da vida”

O senso de humor dos brasileiros é invejável. Aprendemos a rir da própria miséria.  Ri, não nego, pois a espécie de analogia da piada e determinado programa de governo é crítica  inteligente. Na verdade, se o povo esperasse o SUS bater-lhe às portas, acabaria morrendo na casa conseguida a duras penas, vez que: se aquele Serviço não atende há muitos anos como deveria, consoante determinação constitucional, nem mesmo aos que até ele vão… há que considerar-se a promessa presidencial apenas como utópica…                                                                  A realidade diverge do apregoado pelos governos que temos tido.

A respeito, menciono o artigo  “Não faço o bem que quero, mas o mal que não quero” (*) , para o qual também escrevi a introdução. Tendo em vista algumas manifestações de pessoas na internet criticando frontalmente – e ainda carecendo- no mínimo- de ‘elegância‘, os que se referem à doença de Lula, sinto-me no dever de indicar-lhes novamente a leitura cuidadosa, pois seu autor alinhou os itens  fundamentado em fatos incontestes. Não há como desconsiderá-los por causa de ocorrência superveniente.

Discordo dos que escrevem de forma desrespeitosa sobre a doença de Lula. Não é meu caso. Jamais faria isso sobre quem quer que fosse.
Reconheço, no entanto, o direito -NÃO de tripudiarem, mas de MANIFESTAREM sua indignação, uma vez que ao povo: NÓS, não é dado tratamento igual- o que, a meu ver, vai de encontro ao Princípio da Igualdade, consagrado pela Constituição Federal.

Afinal, SOMOS ou Não ‘IGUAIS’?

Não acredito – e este é um direito meu – que o SUS irá até a casa de quem quer que seja. Tomara esteja eu errada. Baseio-me no ensinamento de um sábio russo jamais traduzido para o Ocidente:

“Não deveis crer nas palavras dos que vos faltaram com a verdade em questões de importância”.                           

Outrossim :

1 – nas notícias de todos os dias e no que vejo- intermináveis filas de hospitais compostas por pessoas cujo sofrimento está estampado em seus rostos;
2 – nas inverdades todas e nas promessas feitas pelos governos – e jamais cumpridas.

NOTA: No entanto, se tal ocorrer, não só me redimirei publicamente, como aplaudirei nossa Chefe de Estado e de Governo

Mirna Cavalcanti de Albuquerque Pinto da Cunha

Rio de Janeiro, 11 de Novembro de 2011.

II – A ‘piada’ em si

Depois do “Minha Casa, Minha Vida“,

Dilma lança o “Minha Casa, Minha Cova”.


O SUS vai até você, aguarde em casa e, por favor, não insista!

(*) http://www.brasilwiki.com.br/noticia.php?id_noticia=47076

https://mirnacavalcanti.wordpress.com/2011/10/31/nao-faco-o-bem-que-quero-mas-o-mal-que-nao-quero/

http://www.recantodasletras.com.br/artigos/3308469

http://pensador.uol.com.br/colecao/mirna8/

http://www.autores.com.br/2011103150843/diversos/artigos-diversos/qnao-faco-o-bem-que-quero-mas-o-mal-que-nao-quero.html

http://direitossociaisnegados.blogspot.com/2011/10/nao-faco-o-bem-que-quero-mas-o-mal-que.html

…E em alguns outros sites.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: